Arquivo mensal maio 2019

Escola é atendida com revitalização de pintura: Vereador Júnior Tapajós acompanhou a entrega do trabalho

Na manhã desta terça-feira, 21, o vereador Júnior Tapajós, (PR), retornou à comunidade de Igarapé-Açú do Ituquí, para junto com os moradores, receber a revitalização da pintura da escola, mais uma solicitação que foi atendida por intermédio do parlamentar, junto a secretaria de educação.

Foto: Comunicação Prefeitura de Santarém

A expectativa da comunidade agora é receber em breve a reforma do telhado e sistema elétrico do prédio. A solicitação já foi feita a Prefeitura de Santarém, através da secretaria de educação, professora Mara Belo e está pautado pelo gabinete do vereador, junto com as lideranças da comunidade e a diretora da escola, Rubeni Silva Soares.

 

 

 

 

Vila Brasil será contemplada com Ensino Médio Modular: Vereador Júnior Tapajós acompanhou o início do processo

Foto: ASCOM Ver. Jr. Tapajós

Na manhã deste sábado, o vereador Júnior Tapajós, juntamente com o vice-prefeito José Maria Tapajós e o professor Francisco Nascimento, Diretor da 5°URE, visitou a comunidade Vila Brasil, rio Arapiuns, para mais uma reunião que norteará a implantação do Ensino Médio Modular para quatro comunidades daquela região.

Nesta primeira visita, o gestor da 5° URE disponibilizou a Diretora da Escola Nossa Senhora Rainha, professora Edney Alves da Silva, um formulário para coletar informações, que dará o diagnóstico necessário para a implantação do SOME.

De acordo com a diretora da escola, o pedido de implantação do ensino modular corre desde 2011, agora deve ser revisto e colocado em vigor.

“Nós retomamos o processo de solicitação e graças a Deus já estamos caminhando para que de fato seja implantado na comunidade. A expectativa é que ano que vem, nossos alunos já sejam atendidos aqui mesmo na comunidade”, disse a gestora.

Além de Vila Brasil, as comunidades de Arimum, Coroca e Bacabal, todas na mesma região, também serão contempladas com o modular, que atenderá uma média de cinquenta alunos.

A solicitação do Ensino Médio Modular pelas comunidades tem sido constante. Na região do Tapajós existe um processo de solicitação, da comunidade de Anumã e no Arapiuns, as comunidades de Vila Brasil e Mentai. Segundo o professor Francisco, diretor da 5º URE, a solicitação pode ser feita pelas próprias comunidades, de acordo com a demanda a implantação poderá sim ser feita.

“O nosso trabalho é levar a educação, a nossa bandeira é educação. A solicitação da nossa Secretária de Educação, Leila Freire, é que nós façamos uma organização das comunidades em que não tem mais a demanda, para as que tem a demanda do ensino modular, para que possam ser remanejadas, atendendo assim a quem precisa”, garantiu ele.

Para o vereador Júnior Tapajós, a reorganização do ensino modular, garantirá o acesso ao ensino médio a várias comunidades onde existe a demanda.

“Estamos acompanhando as solicitações de ensino modular feitas nas três comunidades das regiões do Tapajós e Arapiuns, com essa reorganização solicitada pela Secretária Estadual de Educação, acredito que será muito mais fácil resolver os pedidos em andamento, garantindo assim o modular para mais comunidades, afirmou o parlamentar.

 

 

Vereador Júnior Tapajós se solidariza a manifestantes na luta pela educação

A o fazer uso da tribuna, nesta quarta-feira, (15), o vereador Júnior Tapajós, (PR), registrou seu respeito e solidariedade a todos que foram protestar contra o contingenciamento de verbas sofrido pelas universidades. O parlamentar destacou em sua fala, o discurso à imprensa, feito pelo presidente Jair Bolsonaro, onde o mesmo se referiu aos manifestantes como “idiotas” e “massa de manobra”. Em sua fala o vereador lembrou que, Bolsonaro esquece que foi através de protestos de estudantes nas ruas que hoje temos um sistema democrático em nosso país, pelo qual o atual presidente foi eleito. Tapajós lembrou ainda que, pelo regime militar, Jair Bolsonaro jamais teria sido eleito, pois na década de 80 foi acusado de insubordinação pelo próprio exército.

Fonte: internet

 

 

 

Comunidade é atendida com melhoria para escola: a solicitação foi do vereador Júnior Tapajós

Iniciando os trabalhos desta semana, o vereador Júnior Tapajós, (PR), esteve nas primeiras horas desta segunda-feira, (13), na comunidade de Igarapé- Açú do Ituqui, região do planalto, onde juntamente com a Diretora Rubeni Silva Soares e lideranças da comunidade, fizeram a entrega do material que será utilizado na nova pintura da Escola São Francisco. A solicitação da demanda foi feita no ano passado à Secretária de Educação, Mara Belo. Durante a entrega, o vereador registrou o agradecimento a Prefeitura de Santarém, que através da Secretaria Municipal de Educação, SEMED, autorizou o serviço que há muito tempo era aguardado por alunos e comunitários.

Foto; ASCOM Ver Jr. Tapajoós

 

Comunidade de Anumã receberá Ensino Médio Modular: vereador Júnior Tapajós acompanhou vistoria técnica

Na manhã deste sábado, (11), o vereador Júnior Tapajós, (PR), acompanhado do Vice-prefeito José Maria Tapajós, professor Francisco Costa, Diretor da 5ª URE, Domingos Pereira, representando a Secretaria de Agricultura e Pesca, SEMAP, esteve na comunidade de Anumã, Rio Tapajós, onde acompanhou a vistoria técnica que dará início ao processo de solicitação do Ensino Médio Modular, junto a 5ª Unidade Regional de Ensino, (5ªURE), que atenderá as comunidades de Santí, Curipatá e Anumã, todas na região do Tapajós. A chegada do Ensino médio nessas comunidades deverá atender uma média de 30 alunos, que poderão concluir seus estudos.

Sobre o andamento da implantação do Programa Luz Para Todos nas comunidades da região, o parlamentar levou aos comunitárias, informações sobre os processos de licenciamento que tramitam na SEMMA e IBAMA. Todos eles estão sendo acompanhados de perto para que a celeridade dos mesmos, seja garantida.

 

Vereadores reúnem em busca de parcerias: Júnior Tapajós integrou a comitiva que foi a Belém

Nesta quinta-feira, (9), cumprindo agenda de trabalho na capital do Estado, o vereador Júnior Tapajós, (PR),  acompanhado dos vereadores Dayan Serique, (PPS), e Delegado Jardel Guimarães, (PODEMOS), reuniu com o Secretário Jarbas Vasconcelos, em busca de parcerias nos projetos implementados pela Secretaria Penitenciária. O objetivo é utilizar os detentos em serviços de limpeza, manutenção e conservação de vias e bens públicos. Na reunião ficou decidido a ida do Técnico da Secretaria, Ed Wilson, a Santarém, para as tratativas do convênio com a Prefeitura e a Câmara Municipal de Santarém.

Pelo período da tarde, os parlamentares foram recebidos pelo Secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Iran Lima, para tratar sobre as obras do Programa Luz Para Todos aprovadas até o ano passado. De posse das informações repassadas pelos técnicos da SEDEME, o próximo passo é cobrar celeridade dos licenciamentos que estão em análise nos órgãos municipais e federais com sede em Santarém. Os pedidos de celeridade dos licenciamentos, serão acompanhados a partir de agora, uma vez que, muitos já ultrapassam um ano de solicitação e estão atrasando a chegada da esperada energia firme nas comunidades, que há décadas sonham com este serviço.

Finalizando a agenda de compromissos, os vereadores reuniram com o Deputado Renato Ogawa, (PR), para tratar sobre o orçamento do Estado a ser executado em 2020. Mesmo não tendo base eleitoral no Oeste do Pará, Ogawa convidou os vereadores para participar das discussões da Lei Orçamentária Estadual, que devem ocorrer no segundo semestre deste ano. O objetivo é trabalhar para que Santarém seja contemplada com obras ou aquisição de equipamentos.

 

Casco de lancha facilitará travessia de alunos e comunitários: O pleito foi atendido através do vereador Júnior Tapajós

 

Na manhã desta sexta-feira, (03), o vereador Júnior Tapajós acompanhou uma comitiva composta pelo prefeito Nélio Aguiar, vice José Maria Tapajós, secretaria do Meio Ambiente Vânia Portela, presidente da TAPAJOARA Dinael Cardoso, vereadores Ronan Liberal Júnior e Dayan Serique, em visita a comunidade de Parauá, Aldeia São Francisco e Mangal, rio Tapajós, para realizar a entrega de um casco de lancha que facilitará o traslado dos alunos e comunitários, entre as comunidades e aldeias da região. O recurso será utilizado até a construção da ponte que foi destruída pela ação do tempo. A doação do casco foi um pleito solicitado pelos comunitários ao vereador Júnior Tapajós, que teve o pedido atendido pela secretaria Vânia Portela.

Foto: ASCOM Ver. Jr Tapajos

Durante a visita, o prefeito Nélio Aguiar afirmou que, a construção da ponte depende apenas de licitação da empresa que irá executar a obra, uma segunda chamada está em andamento e em breve as obras devem iniciar.  A comitiva visitou também as obras do ginásio poliesportivo que servirá a região, de acordo com o planejamento a obra deverá ser entregue já no mês de junho.

 

 

 

 

 

Transporte com tração animal pode ser substituído

A substituição das carroças com tração animal, por outro tipo de transporte já é uma realidade em outros Estados do Brasil. Em Santarém, os problemas decorrentes da utilização das carroças para trabalhos de fretes e outros, ainda são muito comuns, o principal deles, são os maus-tratos que os animais sofrem com o excesso de peso. Por esse motivo o vereador Júnior Tapajós realizou nesta quinta-feira uma reunião de trabalho, que contou com a participação da Associação dos Condutores de Carroças de Santarém, SEBRAE e a ONG União Animal, para debater a melhor forma de resolver as duas situações, a de maus-tratos e a migração dos carroceiros para outro tipo de transporte ou atividade.

Foto: ASCOM Gab. Ver. Jr, Tapajós

 

De acordo com o parlamentar, a proposta de transição não vem para deixar a classe desempregada, e sim visa trabalhar com antecedência para readequar uma situação que já está na eminência de acontecer.

“Nosso objetivo ao propor esse debate é de resolver as duas situações de uma vez só. Acabar com a situação de maus-tratos a esses animais e redirecionar a atividade dos carroceiros da melhor forma possível”, afirmou o vereador.

A participação do SEBRAE, trouxe a reunião vários direcionamentos em relação as possíveis substituições, uma delas seria o cavalo de lata e até mesmo a disponibilidade de treinamentos para a abertura de novas atividades, que poderiam ser trabalhadas em forma de cooperativas.

“O SEBRAE está para somar com a classe, de forma a buscar alternativas viáveis e possíveis para que essas pessoas possam a cima de tudo, continuar contando com uma fonte de renda. Declarou Michel Martins, gerente regional do SEBRAE Santarém.

De acordo com o presidente da Associação dos Condutores de Carroças de Santarém, Edenilson de Jesus, os 240 associados cadastrados, cumprem as regras estabelecidas, como manter a saúde do animal, cuidados com vacinação e alimentação, porém aqueles que trabalham fora do controle a associação, que na maioria das vezes praticam tais irregularidades, acabam por prejudicar toda a classe.

“Fomos convocados para reunião e aqui estamos para ouvir as propostas e avaliar como essa transição pode ser feita de forma tranquila, garantindo a renda desses países de família”, disse o presidente.

Como encaminhamento, um Projeto de Lei deve ser apresentado pelo vereador Júnior Tapajós, propondo uma transição de atividade tranquila e principalmente com alternativas que possam suprir as necessidades dessas famílias que trabalham com a tração animal.